CRISE FINANCEIRA DOS MUNICÍPIOS DO RN LEVA BANCADA FEDERAL E PREFEITOS DO RN A SE REUNIREM EM NATAL

21/10/2013 09:56
Prefeitos, vereadores, senadores, deputados federais e estaduais do Rio Grande Norte participam hoje dia
(21), a partir das 9h, na sede social do América, em Natal, do 'SOS Municípios'. Segundo o deputado estadual Tomba Farias (PSB), idealizador do evento, o objetivo é “denunciar o esvaziamento financeiro das prefeituras do estado”.
 
O encontro, segundo Tomba, conta com a participação e apoio do deputado federal Henrique Eduardo Alves, presidente da Câmara Federal, e do senador Renan Calheiros, presidente do Senado.
 
A governadora Rosalba Ciarlini, o ministro da Previdência Social, Garibaldi Filho, e dirigentes da Confederação Nacional dos Municípios e das Federações de Municípios da região Nordeste também confirmaram presença.
 
'SOS Municípios. Seu Município em crise. Você é o maior prejudicado'. Este é o lema do encontro. “Os prefeitos irão apresentar à sociedade um diagnóstico da crise financeira vivenciada pelas prefeituras para que a nossa bancada federal seja sensibilizada da necessidade de haver uma revisão do Pacto Federativo que assegure aos municípios condições financeiras que garantam o bom funcionamento das máquinas administrativas”, explicou Tomba.
 
“As prefeituras recebem cada vez menos e estão sobrecarregadas com o aumento de encargos e responsabilidades”, acrescenta Benes Leocádio, presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn). Ainda de acordo com ele, os prefeitos irão elaborar um documento que será encaminhado aos congressistas e também à presidente Dilma Rousseff. “Será um grito de socorro coletivo dado por quem tem a responsabilidade de administrar os municípios e vive no dia a dia as dificuldades e sofre por não poder atender as necessidades da população”, ressaltou.
 
Além da Femurn, também participarão do encontro os dirigentes das Associações Microrregionais de Municípios, a Federação das Câmaras Municipais (Fecam-RN). A Assembleia Legislativa do RN também apoia a iniciativa.