RIO GRANDE DO NORTE TEM PREÇO DO ETANOL MAIS CARO DE TODA A REGIÃO NORDESTE

03/03/2014 11:54
Com preço médio de R$ 2,50 o litro, o Rio Grande do Norte tem o etanol mais caro do Nordeste e ocupa o sexto lugar no ranking nacional, superando estados como Rondônia e Amazonas, onde as condições das estradas encarecem as despesas com o frete do produto. Os dados, referentes a fevereiro, são da Agência Nacional de Petróleo (ANP), que faz pesquisa semanal de preços em milhares de postos do Brasil.
 
Em relação a seus vizinhos mais próximos, a diferença é de 14 centavos por litro de etanol no caso do Ceará e de 23 centavos na comparação com a Paraíba.
 
Quanto à gasolina, o preço médio cobrado no Rio Grande do Norte é o terceiro maior do Nordeste, perdendo apenas para Bahia e Alagoas, que já ultrapassaram a barreira dos R$ 3,00.
 
De acordo com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran/RN), o Rio Grande do Norte tem uma frota de 527,9 mil veículos movidos exclusivamente à gasolina; 30 mil que só usam o etanol e 289 mil que usam os dois combustíveis.
 
Alvo de protestos nas redes sociais em 2011 quando foi lançado o movimento #combustivelmaisbaratojá, o Sindicato do Comércio Varejista dos Derivados de Petróleo (Sindipostos) lançou recentemente uma “campanha educativa” nos meios de  comunicação se eximindo da culpa pelos altos preços da gasolina e do etanol.
 
O Sindipostos lembra que dos R$ 2,979, que é o preço médio do litro da gasolina, 34% ficam com a refinaria, 15% custeiam a mistura de etanol, 7% são de impostos federais, 27% impostos estaduais, 2% pagam o frete e 15% ficam com os postos.